postagens recentes

segunda-feira, 9 de outubro de 2017

Resenha: Polpa Hidratante para mãos e Óleo Concentrado Natura Ekos Castanha

Há um tempo atrás, quando completei 25 anos, fiz um post aqui no blog dizendo 25 coisas que eu queria fazer agora que sou uma senhorita com 1/4 de século de vida. Dentre essas coisas estava o item Cuidar da Pele. Na verdade, esse era o primeiro item da lista e era algo que eu estava realmente determinada a fazer e estou fazendo. Já comecei uma nova rotina de cuidados com a pele, estou fazendo alguns procedimentos pra amenizar as marcas profundas de acne que tenho (se vocês quiserem posso até falar sobre isso numa outra oportunidade), estou me policiando para não sair de casa sem protetor solar e também estou usando mais hidratantes corporais. E esse último me levou a experimentar os produtinhos que vou resenhar pra vocês hoje.

Vocês sabem que eu sou fã dos produtos Natura, né? Já fiz algumas várias resenhas de produtos Natura aqui no blog - tem resenha de itens de maquiagem, de cabelo e cuidados com a pele, clica aqui pra ver tudo!  - e aqui vai mais uma! Dessa vez testei alguns produtos para cuidados com as mãos, a Polpa Hidratante para mãos e o Óleo Concentrado da linha Natura Ekos Castanha, e vou contar tudo pra vocês agora. 


Quando recebi os produtos fiquei felizona, pois como eu disse lá no começo do post, já uso vários produtos da Natura, inclusive alguns produtos da linha Ekos. Ainda não tinha usado nada de Castanha, então fiquei bem animada pra experimentar e comecei a usar os produtos já com altas expectativas. Eu tenho as mãos bem ressecadas, então já tinha experimentado alguns outros produtos específicos para as mãos e antes de começar a usar esses dois produtos, estava usando esse aqui que também é da Natura. #NaturaEkosCastanha #NaturaGeraBeleza


Polpa Hidratante

A polpa hidratante é bem consistente, super emoliente e de fácil absorção na pele, não deixa as mãos melequentas depois da aplicação. A embalagem é bem prática e, apesar de eu preferir embalagens com pump dosador, o formato de bisnaga é prático e compacto o suficiente para ser levado na bolsa. O cheiro do produto é uma delícia! Eu adoro as fragrâncias dos produtos Ekos, são muito gostosas e ficam suavemente na pele, não me causam incômodo. A Polpa Hidratante deixou minhas mãos bem macias, hidratadas, com um aspecto mais viçoso. Costumo aplicar o produto duas vezes ao dia, antes de sair de casa e antes de dormir e tô adorando sentir minhas mãos mais nutridas e macias. Ponto pra Natura!


Óleo Concentrado

O óleo concentrado, que é a novidade pra mim, foi um diferencial no resultado! O cheiro também é delicioso, tem a mesma fragrância da Polpa Hidratante, mas me parece um pouquinho mais concentrado. A embalagem em conta-gotas facilita bastante a dosagem de produto e também a aplicação direta nas unhas. Quando usada em conjunto com a Polpa Hidratante, Óleo Concentrado faz com que a hidratação das mãos seja mais potente, a pele fica viçosa e macia por mais tempo e a pele absorve super bem, também não fica melequento. Já aplicação diretamente nas unhas faz com que as cutículas fiquem super nutridas e depois que comecei a usar o produto estou até deixando a cutilação pra lá. Outra coisa muito boa: o produto não deixa o esmalte opaco! Pode ser usado sem medo depois que você pintar as unhas. Tô amando! 


Antes de mais nada, tenho que dizer que, apesar já ser cliente assídua da Natura, tive a oportunidade de experimentar esses produtos porque fui selecionada para uma campanha no BzzAgent Brasil - quer saber mais sobre o Bzz Agent? clica aqui! - e #RecebiGratis um kit com os dois produtos para teste. Fiquei felizona, né? Tem coisa melhor do que receber produtos de uma marca que você adora? Então, muito obrigada Bzz Agent Brasil e Natura por me escolherem para essa campanha!



E aí, gostou da resenha? Espero que sim! Você já usou algum produto de hidratação específico para as mãos? Já conhecia os produtos da Natura Ekos? Me conta aí nos comentários! Um beijo e até breve!

Ray Menezes

quarta-feira, 27 de setembro de 2017

Cronograma capilar: produtos para usar nas 3 etapas

Já falei um bocado de cronograma capilar - e como ele salvou meu cabelo - aqui no blog. Já fiz até um post explicando direitinho o que é, o que são as três etapas e como montar seu próprio cronograma. Mas é tanta coisa nesses H, N e R que às vezes a gente se perde um pouco nas letrinhas, né?

Hoje vim aqui facilitar um pouco e sugerir alguns produtos pra você usar nas 3 etapas do seu cronograma capilar. Então se você ainda tá perdida sem saber o que é hidratação, nutrição e reconstrução, se liga aqui nesse post que a gente vai conversar um pouco sobre isso!

Vamo começar pela hidratação

Hidratação é a etapa que mais vai aparecer no seu cronograma, responsável por repor água ao fio. É a etapa mais fácil de encontrar produtos no mercado, é só ir ao supermercado e com certeza você vai conseguir sair de lá com um bom produto para hidratar seu cabelo. É também a etapa com a qual eu gasto menos dinheiro. Pra cumprir essa etapa do seu cronograma você também pode fazer algumas receitinhas caseiras e misturinhas com alguns ingredientes que você tem aí na sua casa, aposto que no meio de tantas você vai achar uma receitinha pra chamar de favorita.



Já a nutrição é a etapa responsável por repor nutrientes ao fio. Aqui você vai procurar por produtos que contenham ativos nutritivos, tipo óleos vegetais e manteigas. Se seu cabelo está com frizz e desalinhado, é hora de partir pra nutrição. Costumo usar muitos óleos vegetais - óleo de coco, azeite de oliva, óleo de rícino - para umectação e pra potencializar as minhas máscaras e às vezes também rolam umas receitinhas caseiras com alguns ingredientes que provavelente você pode encontrar na sua cozinha, mas hoje em dia dá pra encontrar várias máscaras nutritivas de qualidade no mercado, é só procurar um pouquinho e estar atenta à composição do produto.



Agora se seu cabelo está bem danificado, ralo e quebradiço, é a hora da reconstrução. Os ativos usados na reconstrução são queratina, arginina, proteínas e colágeno, ativos responsáveis por repor massa do seu fio. É a etapa que menos aparece no cronograma capilar mesmo que você esteja com o cabelo danificado. É necessário ter cuidado com essa etapa, principalmente se você usa queratina, pois o excesso dela pode fazer com que seu fio fique rígido demais e acabe se partindo. Normalmente, boas máscaras de reconstrução são um pouco mais caras do que as das outras etapas, mas se você tiver com o orçamento apertado dá pra cumprir a tabela com uma ampolinha ou mesmo uma queratina líquida mais acessível pra turbinar sua máscara de hidratação ou mesmo um creme multifuncional.



Você usa algum desses produtos no seu cronograma capilar? Me conta aí no comentários que eu vou adorar saber!

Ray Menezes

segunda-feira, 25 de setembro de 2017

5 Formas de usar Óleo de Rícino

Se assim que você leu "óleo de rícino" no título desse post você já sentiu um embrulho e lembrou das funções laxantes desse óleo, fica calminha que aqui a gente só vai falar das funções cosméticas do rícino!

Eu já disse várias vezes aqui no blog, mas caso vocês não lembrem, meu cabelo é ama óleos. Sério! Azeite de oliva, óleo de coco, argan... e de uns tempos pra cá tenho usado bastante o óleo de rícino também. Hoje vamos falar um pouquinho sobre os benefícios do óleo de rícino e vou te contar 5 formas de usar esse negócio em prol da sua beleza, então se liga aqui nesse post que te dar umas boas dicas!


O óleo de rícino, também conhecido como óleo de mamona, é extraído da mamona really? e é super conhecido pelo seu poder e uso como laxante, mas a indústria da beleza abraçou o rícino e agora temos várias marcas de cosméticos comercializando óleo de rícino puro e também temos vários produtos com esse componente nas prateleiras. Ele é rico em ácidos graxos, sais minerais e vitamina E, e pode ser usado pra hidratar e fortalecer seus cabelos e pele, entre outras coisas.

Dito isso, aí vão 5 formas pra usar o óleo de rícino na sua rotina de beleza!


1. Nos cabelos

Além de ajudar a hidratar e nutrir os fios, dando a eles um brilho e um aspecto mais sedoso, o óleo de rícino fortalece os cabelos, encorpando os fios e estimulando o couro cabeludo, deixando mais fortes os folículos por onde nosso cabelo cresce. Então que tal fazer uma umectação com óleo de rícino?

Aqui no blog tem um post sobre umectação capilar, já viu? Clica aqui pra saber mais sobre isso! Uma dica pra quem quer nutrição intensa, mas também quer estimular o crescimento capilar é umectar o couro cabeludo com o óleo de rícino e usar óleo de coco no comprimento, os resultados são incríveis!

2. Nos cílios

Muita gente já deve ter visto por aí várias diquinhas que prometem crescer cílios de boneca com óleo de rícino, né? Por experiência própria: não é bem assim não! Demorei um bocado pra ver os efeitos do óleo de rícino nos meus cílios, coisa de meses mesmo, mas notei que meus cílios ficaram um pouco mais encorpados e até mais fortes depois de algum tempo de uso. Antes de dormir, aplique o óleo com um cotonete na raiz dos cílios, com muito cuidado pra não cair nos olhos, e no outro dia lave bem o rosto. 

Sempre perco alguns cílios depois de uma make com bastante rímel e enquanto usava o óleo de rícino fielmente senti que quase não caiam fios. Estou um pouco farrapeira com esse ritual, mas vou me policiar pra voltar a fazer certinho. 

3. Nas sobrancelhas

Se você também tem falhas na sobrancelha, o óleo de rícino pode ser um ótimo aliado! Ele dá um aspecto mais encorpado aos fios, dando a impressão que sua sobrancelha tá mais cheia, e também estimula o crescimento de novos fios. É só aplicar, com a ajuda de um cotonete, o óleo de rícino nas sobrancelhas antes de dormir. Não esqueça de lavar bem o rosto no dia seguinte, tá? E, de quebra, é bom lembrar de passar protetor solar, sua pele agradece!

4. No rosto

Além de hidratar a pele, o óleo de rícino também tem funções cicatrizantes. Então que tal umas gotinhas de óleo de rícino e uma massagem facial estimulante antes de dormir? Primeiro lave bem e tonifique seu rosto, e antes de dormir aplique o óleo - sem excessos - e deixe agir durante a noite. No dia seguinte, não esqueça de lavar bem o rosto e seguir seu ritual de beauté por mais simples que ele seja, e sem esquecer do protetor solar, hein?

5. Nas unhas

As propriedades hidratantes do rícino também podem ser aproveitadas pelas nossas unhas. Tenho as mãos super ásperas e ressecadas e tô sempre tendo que usar alguma coisinha pra amenizar isso. Confesso que ainda sou um pouquinho relaxada com isso, mas tô melhorando. Usar o óleo de rícino dá um boom na hidratação das minhas cutículas, coisa que eu adoro pois na vida quase não vou à manicure. Sempre alterno os produtos que uso, mas vez ou outra pingo uma gotinha de óleo de rícino nas unhas antes de dormir, o resultado são unhas mais fortes e cutículas hidratadas. Adoro!


Lembrando que, seja qual for o óleo e independente da função, você tem que procurar a melhor qualidade de óleo pra usar. Procure sempre um óleo vegetal extra virgem, de preferência prensado a frio, ele vai manter melhor os nutrientes e vai te trazer os melhores benefícios. Hoje em dia é fácil de encontrá-los em farmácias, lojas de produtos naturais e produtos de beleza. 

Gostou das dicas? Espero que sim! Aposto que se você pesquisar um pouquinho mais ainda vai encontrar mais trocentas formas de usar esse óleo poderoso de rícino. Se você tem curiosidade de saber como usar também o óleo de coco, se liga nesse post aqui

Mas me conta: você usa óleos vegetais na sua rotina de beleza? E o óleo de rícino, já usou?

Ray Menezes

sexta-feira, 15 de setembro de 2017

A Química, de Stephenie Meyer

Seguindo com a onda de posts que eu estava segurando, aqui temos mais um. Dessa vez é uma resenha de livro, coisa que já tem bastante tempo que não faço aqui no blog - a última foi jahsdjhajsd - e essa resenha eu já estou devendo há eras. O livro de hoje é A Química, de Stephenie Meyer.


Sim, você leu certo! Stephenie Meyer, aquela mesma que é autora dos livros da saga Crepúsculo. Mas A Química é bem diferente do conhecido romance entre Bella Swan e Edward Cullen que fez a autora ser conhecida pelo grande público. Gosto da saga Crepúsculo, mas não curti muito A Hospedeira, então quando ganhei A Química de presente - obrigada, mor! - fiquei meio com um pé atrás, mas mesmo assim me joguei na leitura.


Autora: Stephenie Meyer
Editora: Intrínseca
Número de Páginas: 496
Uma ex-agente especial fugindo de seus antigos empregadores precisa aceitar um novo caso para limpar seu nome e salvar a própria vida. Ela trabalhava para o governo americano, mas poucas pessoas sabiam disso. Especialista em seu campo de atuação, era um dos segredos mais bem guardados de uma agência tão clandestina que nem sequer tinha nome. E quando perceberam que ela poderia ser um problema, passam a persegui-la. A única pessoa em quem ela confiava foi assassinada. Ela sabe demais, e eles a querem morta. Agora ela raramente fica em um mesmo lugar ou usa o mesmo nome por muito tempo. Até que um antigo mentor lhe oferece uma saída — uma oportunidade de deixar de ser o alvo da vez. Será preciso aceitar um último trabalho, e a única informação que ela recebe a esse respeito só torna sua situação ainda mais perigosa. Ela decide enfrentar a ameaça e se prepara para a pior batalha de sua vida, mas uma paixão inesperada parece diminuir ainda mais suas chances de sobreviver. Enquanto vê suas escolhas se evaporarem rapidamente, ela vai usar seus talentos como nunca imaginou.


Começando pela capa: achei a capa linda! Essa coisa prata que parece mesmo um negócio desses de hospital e a seringa deram um ar mais sério e talvez até meio sombrio/misterioso, tem tudo a ver com a história. As páginas são amareladas e as letras tem um tamanho bom, fizeram a leitura bem fácil.

Nunca pensei que fosse ler outro livro da Stephenie Meyer e muito menos um enredo de ação. O livro é interessante, trás uma personagem que em cada dia usa um nome diferente e usa todo seu conhecimento pra fugir das pessoas que a querem morta. Rola muito mistério, muito suspense e quando você passa a entender a mente da personagem principal as coisas começam a fluir muito melhor. O começo é meio arrastado, cheio de detalhes e foi meio cansativo de ler, mas passados 3 capítulos a coisa começou a andar. Aí depois de mais algumas páginas eu já estava entregue e queria saber tudo o que ia acontecer, li todo o resto rapidinho! 


O que eu gostei: Uma personagem feminina que, apesar de aparentemente frágil, é a peça mais mortífera de todo o enredo. Super calculista, inteligente, corajosa e independente. Alex não precisa de ninguém pra protegê-la, ela se mantém viva graças a sua própria coragem e inteligência. Girl power! Também gostei de ver a capacidade da autora de se reinventar. Depois da Saga Crepúsculo e de A Hospedeira, Stephenie trás um livro super diferente dos anteriores e ainda com muita qualidade.

O que não gostei: Como falei antes, o livro começa muito arrastado e no final tudo acontece muito rápido. E no meio de um caos de acontecimentos, a autora enfiou um romance que - na minha humilde opinião - ocupou muito espaço. Não que eu não tenha gostado do romancinho, achei até bonitinho, mas surgir um amor infinito no meio de acontecimentos bizarros entre os personagens foi meio... ok. Mas só isso mesmo, de resto eu achei tudo bem bom.


A maneira como a autora me deixou curiosa pra saber o desfecho, mas sempre mantendo um fio de tensão entre as linhas, foi incrível. No geral, A Química é um livro muito bom, mas com algumas falhas que o impedem de ser um livro ótimo. Não acho que é um livro que agrade a todos os leitores da Meyer, mas achei um ótimo passatempo. Então sugiro que se você quiser ler esse livro, não vá com altas expectativas, assim você vai se surpreender e talvez até gostar bastante da leitura. 

E aí, vocês já leram A Química? O que acharam da resenha? Me contem tudo aí nos comentários!

Ray Menezes

quarta-feira, 13 de setembro de 2017

16 looks com saia de tule pra se inspirar

Inspirada pela minha nova peça favorita do guarda-roupa, cá estou eu de volta trazendo mais saias de tule para este humilde bloguinho. Pra quem não viu, eu já postei aqui no blog um look do dia usando minha saia de tule, vulgo minha segunda pele, e achando que não foi tule suficiente, resolvi trazer um post cheio de inspirações e looks lindíssimos com saias de tule.

A saia de tule é uma peça super delicada, que lembra as saias de bailarinas, e cai super bem em looks românticos e super girlie, mas também vai super bem num look com uma pegada mais urbana e descolada. Então separei vários looks pra dar uma ilustrada na versatilidade das sainhas de bailarina. Tem look de festa, tem street style, saia curta, saia midi, saia longa, tem várias cores... tem pra tudo quanto é gosto! Se liga aí em baixo e escolhe logo a sua saia de tule!


Eu sou apaixonada pelos looks de saia com tênis e uma pegada mais street pra quebrar a delicadeza do tule, esse da primeira imagem então... amei! E confesso que também fiquei com os olhinhos brilhando com esse último look, da saia creme/rosinha e tênis dourado. Quero! 

E você, qual desses foi seu look favorito? Me conta aí nos comentários!

Ray Menezes

quinta-feira, 7 de setembro de 2017

Um pouco sobre Tribal Fusion

Uma das coisas que mais me pediram na última pesquisa de público aqui do blog foi pra falar um pouquinho mais sobre dança tanto aqui no blog quanto no youtube. Se você veio parar aqui no meu blog agora e não me conhece ainda, eu sou bailarina e trabalho com dança há alguns anos. É minha paixão e eu amo falar sobre e disseminar o amor e o bem que a dança faz. Uma curiosidade que muita gente tem é quando eu falo que danço Tribal Fusion, muita gente pergunta no instagram ou na fanpage do blog sobre o que é essa dança. 


Você pedem e eu atendo, né? Já fiz um post aqui no blog - super indico a leitura caso você tenha interesse em descobrir o que é e de onde vem o tribal, tá? - há um tempo atrás falando um pouco mais sobre a modalidade, mas resolvi fazer também um vídeo sobre do Tribal pra deixar mais claro pra vocês o que é essa arte que eu estudo. 

Dá um play aí no vídeo pra saber mais sobre o Tribal Fusion!


E aí, o que acharam? Espero que tenham entendido qual a proposta da dança e tudo mais. No youtube tem várias coisas legais sobre a dança e vários vídeos de bailarinas e grupos maravilhosos, vale a pena dar uma pesquisada pra entender melhor toda essa fusão de culturas. Não esqueçam de deixar o likezinho do amor lá no youtube e se inscrevam no meu canal pra ficar de olho nos próximos vídeos! Um beijo grande e até breve!

Ray Menezes

terça-feira, 5 de setembro de 2017

Resenha: Creme Umidificante Afrocachos Megaline Hair

Vamo começar a semana com resenha? Essa vai especialmente pras migas cacheadas que estão em busca de um cremezinho massa pra finalizar o fuá. Comprei esse creme na Hairnor 2017 - quem me segue no instagram viu que estive pela feira esse ano - e já tem um tempo que tô testando, então se liga aí no post que eu vou contar tudo!


A Megaline Hair é uma marca pernambucana super acessível que conheci há um tempo através do Instagram e por indicação de algumas conhecidas. Vi algumas resenhas e vários elogios aos vários umidificantes da marca e já tinha um tempão que estava querendo testar algo deles. Visitei o stand da marca na Hairnor e aproveitei as promoções da feira pra comprar uma coisinha pra mim. Escolhi o umidificante Afrocachos, por indicação de duas migas lá na hora, e partiu testar!

O que a marca diz:
O umidificante AFROCACHOS RECONSTRUTOR Megaline Hair foi elaborado com substâncias de altíssima qualidade que tratam a fibra capilar enriquecendo-a com seus ativos compostos por um blend de óleos (argan;camélia;ojon) promovendo reparação profunda e reforçando a estrutura dos fios. Não resseca os fios ao longo do dia. Sua fórmula é rica em emolientes de origem vegetal (glicerina vegetal) que combate o ressecamento excessivo dos cabelos e protege a fibra capilar contra a desidratação. Seus cabelos ficarão cada vez mais protegidos. Seus cachos restaurados, hidratados e protegidos de agressões externas e mais!!! como é um produto livre de silicones, óleo mineral, petrolatos e parabenos está livre para uso No-Poo e Low-Poo. AFROCACHOS VOCÊ MERECE TUDO ISSO!!!!!


O que eu achei:

A embalagem é super simples, resistente e prática. O potão de um quilo de creme que a gente ama, eu comprei por um precinho bem amigo: 15 dinheiros. O cheiro dele é muito gostoso e fica bem suave nos fios, coisa que me agrada um bocado. É um creme bem emoliente, a consistência dele é levemente encorpada, mas não é daqueles que ficam no lugar quando a gente vira o pote, ele escorre mesmo. Espalha super fácil nos cabelos. Liberadíssimo pra No Poo, hein? Fórmula sem proidibos! Já finalizei o cabelo de várias formas com ele e o efeito que ele deixa nos meus cachos é ótimo. Fica aquele efeito durinho assim que seca, mas depois de amassar os cachos eles ficam bem naturais.

O Afrocachos deixa os meus fios bem macios, com um brilho lindo e, o melhor, não pesa nada no cabelo. Os cachos ficam bem definidos e vejo que ele ajuda a formar cachinhos pequenos nos meus fios que ainda estão crescendo, aqueles famosos baby hair. Não me dá tanto volume, mas nada que um pente garfo e umas boas amassadas não resolvam. Me rende day afters ótimos de verdade! Já ouvi resenhas de meninas dizendo que conseguiram 4 day afters dignos com esse creme, mas eu - infelizmente - não consegui ainda, porque sempre prendo o cabelo pra dar aula ou pra ensaiar e termino suando muito, aí prefiro lavar os cabelos. Mas quatro day afters é coisa de louco, hein?



Gosto tanto desse creme que usei pra finalizar o cabelo das minhas sobrinhas nesse vídeo aqui, vocês lembram? Não é um creme específico pra crianças, mas como tem uma fórmula livre de parafinas e não pesa, usei nas minhas meninas e elas também ficaram com os cabelos lindíssimos! Se você ainda não viu esse vídeo com participação especial das Lulus, corre lá no canal pra ver, é um amor só!

No mais, o Afrocachos virou um dos meus cremes favoritos! Me dá um efeito lindo no cabelo, cheirinho gostoso que não me irrita, potão de um quilo e o precinho é super amigo. Queridinho! 

E aí, gostaram da resenha? Eu espero que sim! Tô com várias resenhas atrasadas, então se preparem porque vai ter muito post desse tipo por aqui no blog esse mês de Setembro. E tem vários tipos de produtos, viu? Tem cabelo, cachos, make baratinha, produto de beleza... é coisa que só! Tem alguma coisa que você prefere ver logo aqui no blog? Me conta aqui nos comentários que eu adianto tudo! Um beijo e até breve! 

Ray Menezes

sexta-feira, 1 de setembro de 2017

O blog mudou!



E aí, pessoas, tudo bom com vocês? Finalmente tô de volta! Não sei se vocês sentiram minha falta no mês de Agosto - sentiram? -, mas resolvi tirar o mês pra fazer umas mudanças aqui no blog. Já que eram coisas que iam demandar bastante atenção da minha parte - e já que atualmente eu estou trabalhando bastante - achei melhor parar todas as atividades por aqui e só voltar quando estivesse tudo pronto. E agora está!

Como vocês podem perceber, agora nosso bloguinho aqui tem domínio próprio agora! Sim! Já tinha um bom tempo que eu queria fazer isso e finalmente separei uma graninha e tempo pra organizar tudo. YEY! Agora somos HEYMARIA.COM.BR! Simples e bem mais fácil de lembrar, né? E com essa mudança, eu também quis mudar o resto e tá aí o layout novo! Tudo bem simples, como sempre foi, mas achei super bonitinho e com a minha cara que é o que importa né

E aí, vocês gostaram das mudanças? Eu espero que sim! Esse mês o blog volta à ativa e vai tem muito conteúdo pra dividir com vocês, fiquem de olho! Me contem aí nos comentários o que vocês acharam dessas mudanças aqui no blog! Um beijo e até breve!

Ray Menezes

segunda-feira, 31 de julho de 2017

Turismo Express: Rio de Janeiro - parte 2

Vamo encerrar o mês com o final do meu relato de férias? Aquele mesmo que dividi em duas partes porque achei que ia ficar um post muito grande se fosse um só. Como eu disse no post da primeira parte, esse é o relato do meu único dia disponível para turistar no Rio de Janeiro e, se você não leu a parte um, clica aqui e vai lá ler! Tá pensando que um dia só não dá tempo pra nada? Te garanto que o negócio é corrido, mas dá tempo de visitar bastante coisa, viu?

Se liga aí na minha turistada à jato!


mas é claaaaro, que não poderia faltar a melhor pose!

Depois de um almocinho sensa lá na Lapa - saiba mais aqui - você já imagina que eu fiquei meio preguiçosa, né? Pois fiquei mesmo, mas a vontade de aproveitar o dia foi maior, então depois de pagar a conta corremos rumo à praia de Botafogo, pegamos o metrô e foi rapidinho. Aproveitamos a vista um tantinho - o tempo tava uma delícia - e resolvemos fazer uma caminhada de lá até a Urca. Se você estiver bem cansado, não gostar de andar ou tiver com bastante pressa, não aconselho fazer isso. Foi uma caminhada boa porque o tempo estava bem bom, mas acredito que no verão com o sol queimando à vera eu acho que teria preferido fazer o trajeto de Uber, mas já que a temperatura tava amena, topamos ir caminhando mesmo. 


Passamos por vários lugares lindos que eu queria ter parado pra apreciar, tirados umas fotos e tudo mais, mas já que estávamos bem apressados fomos passando direto por tudo. Até chegar na Praia Vermelha e de cara já percebi que, de todos, foi o lugar que mais tive vontade de parar e curtir. Mas, como eu disse, o tempo só deu pra tirar umas fotos e botar o pé na areia. Depois de uns minutinhos de apreciação, fomos caminhando por ruazinha simpáticas cheias de casinhas lindas até a Mureta da Urca

Que visual lindo! Quando sentei ali na Mureta parei um pouco pra apreciar a vista... me senti tão feliz! Acho que uma vista daquelas anima o dia de qualquer um. Tentei gravar cada detalhe na mente, mas já que a idade chega pra todos, tirei umas fotinhas pra ajudar. Quando terminou o momento de apreciação e amor coletivo, eram por volta das 16h e então decidimos ir ver o pôr do sol no Arpoador. Depois de alguns minutinhos de Uber, uma caminhadinha e muita atenção nas subidas escorregadias, chegamos a tempo de ver o sol se esconder. E foi assim que se encerrou meu dia corrido de turismo no Rio de Janeiro.


A volta pra Ilha do Governador foi tranquila, apesar de termos pego metrô - achei bem tranquilo se comparado ao caos do ~metrô~ de Recife - e a barca em horários de pico. E chegando em casa o esquema foi banho e cama, no outro dia voltei pra Recife bem cedo. Queria ter ficado um pouquinho mais, mas sei que não vai demorar muito até eu voltar lá. Quero conhecer muito mais da cidade e aproveitar tudo com mais calma, quem sabe em breve, né? 


E é isso! Espero que vocês tenham gostado do meu relato de férias! Fiz essa viagem no comecinho das minhas férias e já agora, no final delas, eu estou com vontade de que cheguem logo as próximas férias pra viajar mais. Nesse meio tempo, Vamo juntando os trocadinhos pra decidir qual o próximo destino, né nom? Um beijo e até breve!

Ray Menezes

quarta-feira, 26 de julho de 2017

Finalização para cachos de criança

Um belo dia eu estava linda e plena, aproveitando a companhia da família, quando do nada minhas duas sobrinhas - gêmeas - me chegam com uma vozinha fofa: "tia Ray, vamos gravar um vídeo de cachinhos?". O que vocês acham que eu fiz? Organizei tudo pra gravar um vídeo de cachinhos! E é disso que se trata o vídeo de hoje, meus benzinhos, e um vídeo de cachinhos com a participação mais que especial das minhas duas coisinhas mais lindas!


Já que as duas queriam um "vídeo de cachinhos", gravei um vídeo fazendo a finalização do cabelo cacheado das minhas crianças. Eu nunca fiz um vídeo de finalização do meu próprio cabelo, mas achei que seria interessante aproveitar a oportunidade e gravar um vídeo com Luana e Luisa e fortalecer esse movimento de aceitação dos cachos. Esse movimento tem que começar desde cedo! Sinto que nós temos que ensinar as crianças a se amarem do jeito que são e amá-las incondicionalmente da mesma forma. Então fiz esse vídeo - bem divertido - pensando nas mães que tem filhos e filhas cacheados e ainda não sabem como cuidar dos cabelos deles e nem fazer isso de uma forma divertida. É essencial fazer desse momento uma coisa lúdica, assim a criança se diverte e aprende a se cuidar.

Então se você se interessou e quer conhecer minhas Lulus, dá um play aí!



Lindas, né? *tia babona mode on* Espero que vocês tenham gostado do vídeo! Eu adorei gravar com as meninas e já tô pensando no que gravar da próxima vez que elas me vierem com esse papinho de gravar vídeo HAHAHAHA Não esqueçam de ir lá no Youtube e deixar aquele like amigo e se inscrever no meu canal pra ficar de olho nos vídeos, eles sempre saem lá antes de vir aqui pro blog. Um beijo grande e até breve!

Ray Menezes

segunda-feira, 24 de julho de 2017

Music Monday: Minha playlist atual de KPOP

Não é novidade pra ninguém que eu sou bem fanzoca de kpop há anos, né? Desde que conheci o gênero até hoje as coisas mudaram bastante. O mercado da música pop coreana está em constante renovação e vários dos grupos que eu ouvia - e era fã, inclusive - acabaram. Confesso que desde mais ou menos um ano atrás eu parei de me ligar nos lançamentos e debuts de grupos novos do kpop, mas ainda acompanho alguns dos meus artistas favoritos e vez ou outra me deparo com músicas legais quando tô aleatoriamente assistindo coisas no youtube.


Pra começar a semana bem e com música, resolvi trazer uma playlist dos lançamentos - ou nem tão lançamentos assim - de kpop que estou escutando com mais frequência. Tem artistas renomados, tem grupo estreante, tem música que parece abertura de anime, tem artista solo, tem rap, rockzinho, balada.. tem muita coisa por aqui e tenho certeza que alguma das músicas vai ser do seu gosto, então se liga aqui pra conhecer coisa nova!


1. Blackpink - As if it's your last

Tô viciada nessa música desde que foi lançada. Que delícia! Assim que escutei me lembrou muito a vibe do 2NE1, que era um dos meus grupos favoritos e disbandou esse ano. Pra ser sincera, eu consigo imaginar até como seriam as vozes das 2NE1 cantando essa mesma música, mas o Blackpink tá aí arrasando e ganhando seus 1st nos programas musicais da Coréia. Não consigo escutar essa música sem querer dançar. A música é muito legal, a coreografia é massa, o vídeo está on point. Adorei!

2. KARD - Hola Hola

Os queridinhos do Brasil aqui de novo! Eles já apareceram em uma playlist aqui no blog, mas tô até pensando em fazer um post só pra falar deles. Recentemente o KARD veio ao Brasil e fez uma tour - com fanmeetings e show em São Paulo - que passou por vários estados do país e foram muito bem sucedidos, com ingressos esgotados em questão de minutos. Hola Hola é a música de debut do grupo nos programas musicais coreanos e é mais uma que eu tô ouvindo direto sem moderação.

3. G Dragon - Untitled

Atual de trabalho do G Dragon, meu ultimate bias do kpop, pela qual eu tive uma relação de amor e ódio assim que foi lançada. Não porque a música é ruim, na verdade é uma música incrível, mas foi lançada num momento que achei ruim. Apesar de tudo, está aí o G Dragon muito bem sucedido com sua turnê e sua música cheia de sentimento. 

4. SISTAR - Lonely

Última música do SISTAR, mais um grupo que se separou nesse 2017 matador dos meus grupos favoritos. E acho que o SISTAR deveria ter lançado mais músicas desse nível ao longo da carreira. Pra mim é uma das melhores músicas do grupo, infelizmente a última.

5. Dreamcatcher - Good Night

Um dos poucos grupos do cenário atual do kpop que acompanho os lançamentos e gosto bastante das músicas das meninas. Elas debutaram com Chase Me que tem esse conceito de vídeo meio dark meio filme de terror e o vídeo de Good Night é uma sequência do vídeo da música anterior. A música tem um Q de abertura de anime que eu adoro. Parece um j-rock, mas é um kpop muito dos bons, com coreografias de tirar o fôlego. 

6. Lee Hyori - Seul

Que coisa boa é ver uma artista madura fazendo música boa nesse meio tão cruel que é a indústria coreana. E vamos fazer um comentário extra aqui porque não posso deixar de dizer que a bicha é bonita, viu? Todas as glórias pra essa mulher e pra essa música tão boa! Extra: quando vi que a música tinha participação do rapper Killagramz fui SECA ouvir, pena que é tão curtinha a participação dele. Gosto muito do trabalho dele também. 

7. Jay Park - YACHT (k)

Se você quer uma vibe gostosa, tá aqui a última música lançada pelo Jay Park, um dos artistas coreanos que mais ouço recentemente. Além de ter gostado muito da música, eu gosto muito de ver esse cara dançando. Ele arrasa e todos os dançarinos também são demais. 

8. BoA - Camo

A rainha do kpop sim. A rainha do kpop pra sempre! Não vou nem falar nada aqui porque só ia ser várias linhas de minha pessoa fangirlizando a BoA.

9. FT Island - Wind

Tem rock? Tem sim, amados! Uma banda de rock com cara de kpop idol. O FT Island é uma das bandas, e nesse caso é mesmo uma banda e não um kpop group, que acompanho e esse é o lançamento mais recente do grupo. Uma música linda com um vocal emocionante.

10. AKMU - Dinosaur

Essa dupla amorzinho já apareceu aqui no blog com post especial e tudo mais. Adoro o trabalho do AKMU, eles produzem música de muita qualidade. As músicas deles são sempre um agrado pro ouvido e Dinosaur não foge disso. 


E aí, vocês curtem kpop? Me conta aí nos comentários, qual foi a música que você mais gostou da minha playlistSe você ainda não conhece nada de kpop, eu super indico que você deixe o receio de lado, ignore o estranhamento pela língua e se jogue nesse mundo, porque tem muita coisa boa na Coreia. Tem música pra todos os gostos!  Um beijo e até breve!

Ray Menezes

quarta-feira, 19 de julho de 2017

Turismo Express: Rio de Janeiro - parte 1

Sabe aquelas viagens que você faz pra ir pra algum evento, show, congresso e essas coisas e no final das contas não sobra quase nada pra turistar e conhecer as coisas ao seu redor? Mês passado eu fiz uma dessas e, com o único dia livre que me sobrou, resolvi fazer uma turistada express. Afinal de contas, não vamo perder a oportunidade, né nom?

Quem me acompanha no Instagram viu que no meio de Junho eu fui ao Rio de Janeiro, então esse é o destino de hoje aqui no blog. Se liga aí!


Fui pro Rio pra participar de um evento de danças urbanas, o Rio H2K, que há muito tempo tenho vontade de participar e esse ano - finalmente - tive condições de bancar isso sozinha. Cheguei no Rio na quarta-feira e o evento aconteceria da quinta ao domingo e a programação de aulas era intensa, começava cedo e terminava à noite. Como meu vôo tava marcado pra terça-feira de manhã cedinho, só me sobrou a segunda-feira pra turistar pela cidade. Eu e o grupo que estava comigo combinamos de acordar cedinho e marcamos o ponto de encontro na Praça Mauá pra começar nossa visita por alguns poucos pontos turísticos da cidade maravilhosa.

Nos dias do evento eu estava na Barra, num lugar bem perto do local do evento e isso facilitou muito a locomoção e diminuiu os gastos com transporte nos dias de aula, mas quando o evento acabou - no domingo à noite - eu fui pra Ilha do Governador, dormir na casa da família do boy. Por mais que tenha sido rápido, consegui conhecer a orla da Ilha, pelo menos. Foi um passeio bem agradável.


Na segunda-feira, o dia da turistagem, fomos da Ilha até a Praça Mauá. Nós pegamos uma barca na Estação Cocotá - um translado agradável e confortável de 55 minutos, evitando o trânsito - e descemos na Estação Praça XV, a tarifa custou R$5,90. No caminho passamos por baixo da ponte Rio-Niterói, achei bem massa. Da Praça XV até a Praça Mauá é uma caminhada curta e tranquila, passando por uns lugares bem bonitos. Se você estiver com pressa, dá pra ir bem rápido, mas como estávamos com tempo, deu pra apreciar um bocado de coisa no caminho. 


Infelizmente não entramos no Museu do Amanhã. Preferi não entrar, pois sei que ia ter vontade de passar um dia inteiro lá. Fica pra próxima! Da Praça Mauá caminhamos pelo Boulevard Olímpico, conhecemos aqueles paredões super realistas maravilhosos do Kobra. Uma obra de arte! É uma caminhada super agradável, você pode apreciar a vista, as obras de arte ao seu redor e tirar umas fotos lindas, aconselho todo mundo a dar uma passada por lá. 


De lá, pegamos o VLT e fomos até o Theatro Municipal, que é outro lugar que eu queria ter entrado, mas também tenho certeza absoluta que iria querer passar o dia inteiro lá, mais um item que vai ficar pra próxima. Visitamos rapidinho a Biblioteca Nacional e, acreditem ou não, estava tendo uma exposição sobre Pernambuco. Fiquei felizona! A exposição era "Pernambuco, 1817, A Revolução" e tinha muito material incrível sobre a revolução pernambucana. De lá, fomos andando até o Aqueduto da Carioca, mais conhecido como Arcos da Lapa. Não nos demoramos muito por lá, o clima não tava muito auspicioso pra turistar, e seguimos direto pra Escadaria Selarón


Depois de várias fotos clichês e uns ímãs de geladeira a mais, resolvemos almoçar por ali mesmo. Em frente à Escadaria tem um restaurante que achamos muito promissor. O Bar e Restaurante Os Ximenes é um lugar massa, que serve vários pratos, entre eles alguns pratos nordestinos, e eu confesso que já tava morrendo de saudade de comer minhas comidinhas. Pedimos um prato que, segundo o cardápio servia 3 pessoas, mas graças ao conselho de um garçom amigo ficamos sabendo que as porções eram super generosas e o prato serviria facilmente o nosso grupo de 6 pessoas. E serviu mesmo. E estava uma delícia.


Tudo isso que eu contei aqui foi a primeira metade do dia, então resolvi parar por aqui pra o post não ficar gigante, então me aguardem que em breve vamos ter um post contando como foi a parte dois do meu turismo à jato. Um beijão e até breve!

Ray Menezes

SERVIÇO

Biblioteca Nacional
Local: Av. Rio Branco, 219 - Centro, Rio de Janeiro
Telefone: (21) 3095-3879
Horário de Funcionamento: 09:00 – 19:00

Os Ximenes
Local: Rua Joaquim Silva, 82 – Santa Teresa – Rio de Janeiro
Telefone: (21) 2221-6081
Horário de Funcionalmento: 7h às 2h30


sexta-feira, 14 de julho de 2017

25 coisas para fazer aos 25 anos

Hoje é o meu dia. Vinte e cinco anos, um quarto de século.. Já tô sentindo as dores nas costas, as rugas e tudo mais. Brincadeira, gente, por aqui tá tudo em ordem ainda. Tô muito feliz pois nos últimos tempos eu venho sempre aqui pra dividir coisa boa com vocês e contar coisas boas que têm acontecido em minha vida. Que assim continue, né?

Pensei um pouco no que poderia fazer pra marcar a data aqui no blog e cheguei nesse tema. Já vi muitas listas de 25 coisas para fazer antes dos 25 anos, mas porque não uma lista de 25 coisas pra fazer ~aos~ 25 anos? Afinal de contas, os 25 anos chegam, o tempo passa e a gente tem mesmo é que viver o agora. Então lá vai a lista de coisas que eu quero fazer nessa nova idade!



1. Cuidar da pele

Tá na hora, né? Já dá pra comprar o Renew apropriado e tudo mais. 

2. Entrar na academia 

Esse item já poderia ter sido riscado da lista, porque fiz isso na semana passada. Mas pra falar a verdade, tô achando bem chato, e há uma grande chance de eu desistir depois desse mês. Mas a musculação tem lá seus benefícios e eu  tava mesmo precisando de uma atividade física diferente, então.. GO! GO! GO!

3. Doar sangue

4. Abrir uma poupança

5. Parar de fugir de consultas médicas

Sou o tipo de pessoa que se puder evitar ir ao médico, qualquer que seja a especialidade, evito. Não sei, só não gosto mesmo. Mas não dá pra ser assim, né? Partiu fazer exames de rotina e fazer valer a fortuna que pagamos em plano de saúde. 

6. Beber mais água

7. Diminuir o fast-food

8. Tirar carteira de motorista

9. Ler mais bons livros

10. Passar mais tempo com as crianças

Se o tempo tá passando rápido pra mim, imagine pra elas, né? É só piscar e meus sobrinhos já estão com o dobro do tamanho que tinham ontem. Tenho que aproveitar cada momento de cada idade, porque daqui a pouco eles vão estar maiores do que eu. 

11. Aprender coisas de culinária

Não posso dizer que sou um zero à esquerda nesse quesito, mas tô longe de poder me inscrever pro Masterchef, então vamo lá pesquisar e aprender coisas novas, né?

12. Começar um curso de inglês

Não dá pra sobreviver só com meu inglês de séries, né? 

13. Organizar meu quarto e mantê-lo assim

No meu quarto tem sempre mil coisas jogadas pelo chão, caixas com coisas que não uso espalhadas por qualquer lugar e tenho certeza que qualquer dia desses terei também bagunças pregadas no teto. Bora ver, né? Tá na hora de dar destino ao que não tem uso e abrir espaço para coisas novas.

14. Arrumar o guarda-roupa (REAL)

Mesmo problema do item anterior. Tudo bagunçado. Preciso fazer a arrumação ultra definitiva, jogar coisas na sacola de doações sem pena e fica somente com o que uso. Tu acredita que eu ainda tenho peças de quando tinha 15 anos? Mana, já se passaram 10 anos - felizmente as pelas ainda servem nesse corpitcho aqui -, tá na hora de fazer voar isso aí e abrir passagem pra Nárnia!

15. Regularizar meus horários de sono

16. Aprender mais sobre corte e costura

17. Visitar os museus da minha cidade

18. Dançar mais

19. Não me comparar com outras pessoas

Tá na hora de parar com essa mania chata, né? A vida de ninguém é perfeita, o instagram não mostra a realidade, a grama do vizinho pode até marecer mais verde, mas não é não. Então só concentra no teu e faz dar certo.

20. Não desistir dos meus sonhos

Nunca.

21. Pensar positivo

22. Aprender a dizer eu te amo

23. Ser grata

Afinal, é tanta coisa boa que acontece com a gente e a gente não dá valor, né? Tá na hora de agradecer por casa coisa boa, por menor que seja, que nos acontece. É mais um exercício diário, mas nunca é tarde pra começar.

24. Não surtar por estar mais perto dos 30

Grandes coisas, os 30 anos. 

25. Aproveitar o agora

Já se foram os 18, os 20, os 24 e finalmente os 25 chegaram. E eles não podem passar sem que a gente aproveite ao máximo, né nom? Então vamo fazer valer cada dia dessa nova idade e ser feliz! Hoje é o meu primeiro dia com 25 anos e vou fazer com que seja o primeiro de 365 dias maravilhosos. Claro que no meio desses vou enfrentar alguns baixo e dias sem muita disposição, mas que estes não sejam relevantes ao ponto de serem contados e que mesmo nesses dias se aproveite algo.



E essas são as 25 coisas que quero fazer agora, aos 25 anos, e vocês? O que querem fazer agora? 

Enfim, parabéns pra mim, parabéns pra você que também está aniversariando por esses dias. Muita luz, muito amor e saúde pra nós. Espero que a nova idade nos traga muita coisa boa! Um beijo imenso e até breve!

Ray Menezes

quarta-feira, 12 de julho de 2017

Look do dia: Saia de tule e tênis esportivo

E aí, minha gente, tudo bem com vocês? Por aqui tá tudo jóia! Meu aniversário tá chegando e eu tô meio atarefada essa semana, talvez tenha sido um presente dos céus, mas aconteceram muitas coisas boas pra mim nos últimos tempos e eu tô muito agradecida por isso.  Hoje resolvi trazer um look do dia atrasado, que você que me segue no Instagram provavelmente já viu, mas antes tardo do que nunca, né nom? 

Há um tempo atrás eu fiz um post com inspirações de looks com tênis esportivos e, como eu sou dessas que só posta as coisas aqui e bota logo em prática, aí vai o meu look com tênis esportivo pra vocês verem. Depois desse aí eu já fiz mais uma duas combinações de looks com esse tênis, tirando as roupinha de trabalho e cadjimia, claro. Tô usando demais! Será que vocês vão gostar? Lá vai!


Blusa: brechó
Saia: Forever 21
Tênis: Nike
Bolsa: Donna Rizzo

Usei esse look pra ir na Hairnor, aquela feira de beleza que rolou aqui em Recife no mês passado, e como eu ia pra feira e depois iria direto pro teatro assistir a estréia de Cão Sem Plumas - espetáculo da Cia. de Dança Deborah Colker - optei por algo bonitão e com brilho, porém confortável. Tenho que deixar claro aqui que estou apaixonada por essa saia de tule. Sério. Pra todo canto que vou quero ir  com ela. Daqui a pouco vou na padaria com essa saia. Brinks. A blusinha de paetê é de brechó sim, só amor. Nos pés, o tênis coringa que uso pra trabalhar e também pra ir pras festinha e ficar bem confortável. E pra carregar as bugingangas, a bolsinha redonda - que, segundo vovó, parece um cantil - que vocês vão ficar cansadas de ver por aqui. 



E aí, curtiu? Usaria? E look com tênis esportivo, tu gosta? Me conta tudo aí nos comentários que eu quero saber! Esse look foi mais arrumadinho, mas tu quer um look mais despojado também com tênis esportivo? Dá um alô aí nos comentários que eu posto! Um beijo e até breve!

Ray Menezes

sexta-feira, 7 de julho de 2017

Dicionário pernambuquês

Tá pensando que eu esqueci do canal do Youtube? Não, miga! Tinha vídeo pendurando esperando edição pra poder ir pro ar, e agora que consegui parar em casa nessas férias - depois das viagens e probleminhas com a internet e o computador - finalmente editei e botei no ar mais conteúdo em vídeo pra vocês. YEY!

Quando fiz um ano  - aos trancos e barrancos, mas um ano, né nom? - de canal, fiz um post aqui no blog pra dizer quais foram os meus 3 vídeos mais assistidos por lá. E o vídeo que estava em primeiro lugar continua crescendo bastante, viu? É disparado o conteúdo mais acessado e comentado do meu canal. O vídeo em questão é o vídeo da TAG Meu Sotaque e, sendo assim, resolvi gravar mais vídeo mostrando um pouquinho do meu pernambuquês. Dessa vez reuni 9 expressões muito usadas por aqui e expliquei tudinho aí pra vocês. Ficou curiosa, miga? Então dá um play aí!



E aí, gostaram do vídeo?  Se você, assim como eu, mora no nordeste do Brasil eu acho algumas dessas expressões são familiares pra você, hein? Aí na sua terra você também fala alguma dessas coisas? Me conta tudo aí nos comentários, mas não esquece de passar lá no Youtube pra deixar seu like e seu comentário por lá também, viu? Um beijo e até breve!

Ray Menezes

terça-feira, 4 de julho de 2017

5 Dicas para aproveitar as férias sem gastar muito

E aí, minha gente, tudo bem com vocês? Sumi por um tempo, né? Na metade de Junho entrei de férias e aproveitei pra viajar. Quem me acompanha no Instagram e na fanpage do blog já sabe quais foram os meus destinos e já viram várias fotos, mas em breve eu faço um post aqui no blog sobre isso. Além disso, tive uns probleminhas com minha internet e terminei até tendo que trocar de servidor, mas agora tá tudo ok com isso. E, como se não fosse suficiente, também tive uns probleminhas com a hospedagem de imagens do blog e quando cheguei de viagem me deparei com o o layout e vários posts com imagens quebradas. Pense no susto! Mas agora já estou organizando tudo isso e aos poucos vou atualizando todos os posts, tá? 

O negócio é que já estamos em Julho - e eu vou ter que voltar a dizer que o tempo está voando ainda mais rápido do que o normal, porque está mesmo - e muita gente está de férias. YEY! Então hoje resolvi trazer cinco dicas básicas pra aproveitar melhor suas férias. E detalhe importante: sem gastar muito dinheiro. Afinal, nem todo mundo tem dinheiro pra ir pra Disney todo ano, né nom? Então se liga aí nas dicas e vamo aproveitar as férias bem e sem esbanjar muito!


1. Termine aquela leitura pausada

Deixou algum livro de lado nesse primeiro semestre? É hora de concluir a leitura abandonada! Pega seu livrinho e embarca nessa leitura! Não deu tempo de começar nenhum livro nessa primeira metade do ano? Aproveita o tempo livre e pega um livro pra ler! Aposto que dá tempo de ler pelo menos um livrinho nessas férias, hein?

2. Faça uma sessão cinema em casa

Sabe aqueles filmes que você ama? Junta todos aí, prepara a televisão, o sistema de som, a pipoca, o brigadeiro e bota tudo pra rodar! Imagina que delícia assistir um filminho com pipoquinha sem ter que pagar uma fortuna! Que delícia! 

Mas se tem aquela novidade em cartaz, você pode ir pro cinema também, né? E se você tem carteira de estudante, melhor ainda, miga! Se você não tiver, aposto que aí no cinema mais próximo de você tem um dia da semana em que o precinho é mais amigo, pesquisa aí que organizando direitinho dá pra ir ao cinema gastando bem pouquinho. 

3. Visite os museus da sua cidade

Você já desbravou os museus da sua cidade ou das redondezas? Mesmo que você já tenha ido pra alguns, tenho certeza que não foi pra todos, viu? Dá um Google aí e procura direitinho que eu tenho certeza que você vai encontrar algum lugar que valha a pena a visita. Muitos dos museus tem uma entrada baratinha, tem um dia de visitação gratuita ou até mesmo tem entrada gratuita todos os dias da semana. Então que tal separar um dia das suas férias pra uma visita a museus? Aposto contigo que vai valer à pena!

4. Marque um rolé diferente com seus amigos

Sabe aquele programinha de lei que você faz com seus amigos? Esqueça! Pense em alguma coisa diferente, aproveite que você está de férias pra tentar coisas novas! Que tal um piquenique em algum parque? Praia? Que tal uma dia num parque de diversões? Acampar? Não importa o que você vai escolher, o que importa é que seja um programa divertido pra sair da rotina. Eu sei que você consegue pensar em algo legal, então bota esses neurônios pra funcionar!

5. Descanse

Afinal, férias servem pra isso, né? Aproveite pra dormir umas horinhas a mais, pra ficar de preguicinha na cama quando acordar, pra tirar um cochilo depois do almoço... E depois de todos esses programas aí em cima, você vai mesmo precisar mesmo de um bom descanso!


E aí, o que é que vocês vão fazer pra aproveitar melhor as suas férias?

Espero que vocês tenham gostado das dicas! Sigam o blog pelo GFC - aqui do ladinho! - e fiquem de olho na fanpage do blog e no Instagram pra ficar de olho nos novos posts assim que eles foram publicados, tá? E não esqueçam de aproveitar as férias! Um beijo e até breve!

Ray Menezes